Novas regras nas feirinhas

Quem convive com gatos vive melhor!
21 de julho de 2012
Os abandonados precisam de você! Socorro!
21 de julho de 2012

Novas regras nas feirinhas

1- Todo animal deverá estar vermífugado e os com mais de cinco meses deverão estar castrados, limpos e saudáveis. É obrigatória a inscrição dos gatos com Artemis pelo fone 3224.3970 e dos cães com Regina 9737.5552 ou 9724.4212 de segunda a sexta das 10 as 19 hrs. A MAPAN NÃO PODE COLOCAR EM EXPOSIÇÃO ANIMAIS SEM ESTES CRITERIOS PARA QUE VÍRUS OU DOENÇAS ENCUBADAS NÃO SEJAM REPASSADAS DE UM PARA OUTRO ANIMALZINHO. O DOADOR inscrito SE RESPONSABILIZARÁ PELO ESTADO DE SAÚDE DO ANIMAL ATÉ QUE SEJA DOADO.

2 – Nenhum animal será colocado em doação nas feirinhas antes das 15 hrs., quando o local a ser utilizado já estiver na sombra e completamente organizado. No verão as melhores doações são realizadas somente depois das 16 hrs. O interessante é poder ficar até as 19 ou 19:30.

3- Não será permitida a permanência de animais em caixa transporte. Para garantir a saúde e higiene dos filhotes, filhotes de gatos deverão vir em número não superior a quatro e em gaiolas aramadas como as de hamster ou cestas plásticas furadinhas nas laterais vendidas no R$1,99 a R$ 10,00 a R420,00 ou ainda gaiolas de passarinhos com espaço confortável para todos. Não é possível a MAPAN ter gaiolas apropriadas para todos os interessados assim como não é possível receber ninhadas com 5, 6, 7, 8, 9 ou mais filhotes. Todo inscrito tem o direito de ver um dos seus filhotes doados. Deverão trazer também os paninhos, cuias e rações as quais eles estão acostumados para que não sofram qualquer distúrbio quando expostos.

4- Estas gaiolas com gatinhos deverão trazer próximas as portinholas uma folha de papel com o nome e telefone do responsável e também a idade e sexo dos bichinhos. Também necessários o RG e um comprovante de residência original e atual. Animais não doados deverão voltar para casa e retornar na próxima feirinha.

5 – A doação seguirá os critérios da MAPAN e os animais só sairão dali depois de uma entrevista com as protetoras indicadas. É terminantemente proibido oferecer animais como se fossem objetos velhos ou um doador passar por cima do outro para doar o seu animal. Quem escolhe o animalzinho é o adotante. Cada doador tem que estar consciente que todos os animais ali são necessitados e tem os mesmos direitos.

6 – Os cães são colocados em celinhas de acordo com seu tamanho. Sejam ou não da MAPAN todos tem os mesmos direitos!

7- Só será permitida a presença de pessoas que realmente estejam trabalhando, limpando o local, alimentando e acalmando seus animais. Salinha de visita para bater papo ou tomar sorvete só do lado de fora! E nada de citações ameaçadoras – se não doar eu vou jogar onde estava, o que é ridículo para qualquer cidadão e principalmente para um protetor.

8 – Não será permitida a presença de desorganizados que jogam lixo no local errado; que deixam espalhados suas sacolas, latinhas, garrafinhas, celulares, algodões, cotonetes, lencinhos higiênicos, etc… Pensando que ali tem alguma camareira ao seu dispor.

9 – Toda doação de rações, medicamentos, caminhas, etc… Realizada nestas feirinhas são para a MAPAN que decidirá para onde será distribuída. Ali não existe doação em particular. E todos sabem que a MAPAN dentro de suas possibilidades “nunca jamais” negou qualquer coisa para um animal necessitado e como um trabalho social até para as pessoas carentes entregando mobiliário, roupas e até cestas básicas para quem ajuda os animais. É a harmonização entre o homem e a natureza. Um precisa do outro.

10 – A MAPAN mais uma vez avisa que está a disposição para doar todo e qualquer animal encontrado nas ruas desde que estejam vermífugados e com mais de cinco meses, castrados e inscritos.

Márcia Lenah de Roque

Vice-Presidente MAPAN

Comente com sua conta do Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *